Flores do Oriente


Do que você tá falando?

    “Flores do Oriente” é um drama do diretor chinês Zhang Yimou (de Herói e A Maldição da Flor Dourada) que estreou recentemente nos cinemas brasileiros, apesar de não estar em cartaz em muitos deles. Ele se passa em 1937, durante a guerra entre Japão e China. Mais precisamente durante a invasão do Japão a Nanquim, então capital chinesa. Segundo a wiki:
    “O Massacre de Nanquim, também conhecido como o Estupro de Nanquim, foi um crime de guerra genocida cometido pelo exército imperial japonês em Nanquim, então capital da República da China. (…) Durante a ocupação de Nanquim o exército japonês cometeu numerosas atrocidades, como estupros, saques, incêndios criminosos e a execução tanto de prisioneiros de guerra quanto de civis.”
    O filme, porém, se foca num grupo de estudantes de um convento (garotas de uns 14 anos) que se refugia numa igreja em Nanquim, juntamente com um grupo de prostitutas e com um agente funerário ocidental que chega com o intuito de providenciar o enterro do padre.
    É um filme bastante triste e te mostra todas aquelas atrocidades que acontecem em períodos de guerra, mas que você não pensa a respeito porque é um tanto quanto horrível.


AVISO IMPORTANTE: Os dois próximos parágrafos contém grande quantidade de spoilers. A leitura é por sua conta e risco! Muahahahaha!

    O exército japonês protege a igreja dos ataques, mas há grande desconfiança sobre o motivo disso e a real intenção deles para com as garotas. Quando os japoneses fazem uma intimação para que elas cantem durante uma celebração, as prostitutas se oferecem para ir no lugar delas, sabendo que o que as aguarda é certamente estupro e provavelmente morte, ainda mais quando descobrissem a troca. Eu só não sei o que eu penso a respeito disso, porque fica aquela sensação de que por algum motivo a vida das prostitutas vale menos que a das garotas e todo mundo concorda com isso. Talvez porque as meninas são muito inocentes e não merecem tanto sofrimento, ou as moças realmente achavam que tinham alguma chance de se salvar, não sei. Pra mim elas simplesmente se sacrificaram pelas garotas. Assim como o soldado que aparece na primeira metade do filme. Só espero que a meninas tenham feito muita coisa boa da vida delas, pra tudo isso valer a pena, hahaha!
    Outra coisa que vai te deixar muito puto se assistir o filme, são as duas mulheres que saem no meio da guerra (sabe-se lá como) pra ir buscar um brinco e uma corda de violão (não é de violão, mas é quase). Por mais profundo que seja o significado disso e por mais abaladas que elas estivessem, é simplesmente muita estupidez! Assim como a tonta do gatinho, se não fosse a bobeira dela, o George estaria muito bem, obrigada. Aliás, se eu fosse um agente funerário eu certamente não ia me meter no meio de uma guerra só pra enterrar alguém, hein.


Mas eu nem sei do que se trata!

    Poxa, meio que contei tudo aí em cima! Vou colocar pra vocês a sinopse que tirei desse site:
    “Durante a segunda guerra entre China e Japão, em 1937, o agente funerário John Miller (Christian Bale) chega a uma igreja católica para providenciar o enterro de um padre. Uma vez lá, ele se depara com jovens estudantes de um convento e prostitutas de um bordel próximo do local. Inicialmente, Miller se revela um sujeito egoísta e desinteressado com o conflito existente, mas com o passar do tempo assume a responsabilidade de proteger os dois grupos tão diferentes. Ele terá que lidar ainda com o pânico provocado pelos constantes ataques do brutal exército japonês, enquanto pensa numa forma de fugir de lá.”

Eu deveria assistir?

    O filme é interessante e não cansa, a história é bem original pra um filme de guerra e consegue te prender. Também mostra um pouquinho de história oriental que normalmente não conhecemos. E tem chinesas bem bonitas (também é um ponto positivo, né?).
 
 
    É um drama e provavelmente você vai chorar em algum momento. Se já estiver meio deprê, melhor deixar pra depois. Em algumas cenas acontecem coisas que você gostaria que não acontecessem com ninguém no mundo (eu espero, né).

Anúncios

2 comentários sobre “Flores do Oriente

O que você acha?

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s